Ciências, Cultura e Natureza

Situações didáticas gerais - Educação Infantil
  • Exploração do ambiente.

  • Situações de interação entre as crianças e os adultos e entre elas e os adultos para cumprir diferentes funções e ações.

  • Contato com pequenos animais, com plantas e com artefatos culturais.

  • Pesquisa sobre o mundo social e natural, com estratégias e postura investigativa, elaboração de problemas e busca de resposta e resolução.

  • Pesquisa sobre o modo de vida característico do grupo social das crianças e contrastá-lo a outros grupos.

  • Relação do modo de vida característico do grupo social das crianças e sua relação e impactos no meio ambiente.

  • Observação e análise de fenômenos e acontecimentos físicos, biológicos, geográficos, históricos e culturais.

Situações didáticas específicas - Crianças de 4 a 6 anos
  • Vivência de situações de uso e exploração de habilidades física, motoras e perceptivas.

  • Uso do laboratório da escola, se necessário.

  • Uso de lupas, microscópio, termômetros para investigar fenômenos naturais.

  • Desenho utilizando elementos naturais escolhidos e coletados pelas crianças.

  • Construção de terrários, sementeiras, estufas para observação de plantas e animais.

  • Exploração de diferentes objetos e estabelecer relação entre eles.

  • Entrevista a biólogos, profissionais da saúde, veterinários, buscando informações sobre determinado objeto de pesquisa.

  • Reflexão sobre a produção e destino do lixo produzido na escola e em outros espaços.

  • Pesquisa sobre fenômenos naturais e sociais.

  • Proposição de situações de investigação sobre elementos do cotidiano.

  • Conhecimento de diferentes espaços culturais da cidade.

  • Observação de diferentes fatos da natureza.

  • Participação em atividades que envolvam histórias, brincadeiras, jogos e canções que digam respeito às tradições culturais.

  • Promoção de excursões em parques e locais de área verde: jardim botânico, praças, museus, zoológicos, aquários.

  • Pesquisa em livros, internet e fotografias sobre diversidade da fauna e da flora.

  • Conhecimento e vivência de manifestações culturais.

  • Promoção de ações de cuidado com o meio ambiente, coleta seletiva, economia da água e luz.

  • Estabelecimento de relações entre fenômenos da natureza.

  • Apreciação de ambientes e paisagens naturais, por meio de fotografias, vídeos e/ou pela observação direta.

  • Passeio pela escola para apreciar os diferentes ambientes e elementos naturais presentes.

  • Coleta de diferentes materiais naturais para observação, comparação ou para compor uma coleção...

  • Registro de diferentes maneiras as observações feitas (desenho, pintura, modelagem, escrita de texto descritivo ou informativo, listas...).

  • Estabelecimento de relações entre os fenômenos da natureza de diferentes regiões (relevo, rios, chuvas, secas) e as formas de vida dos grupos sociais que ali vivem.

  • Participação de diferentes atividades envolvendo a observação e a pesquisa sobre a ação de luz, calor, som, força e movimento.

  • Montagem com as crianças de acervo dos materiais obtidos – a caixa de pesquisa – para que possam recorrer a eles quando precisarem ou se interessarem.

  • Seleção e leitura para as crianças de pequenos textos que tenham informações relevantes para a pesquisa.

  • Leitura de textos que apresentem informações divergentes ou complementares sobre o assunto abordado.

  • Apreciação e uso de diferentes objetos utilizados por outros povos em outras épocas, refletir sobre os usos que já foram feitos, pensar em outros objetos diferentes que podem ter o mesmo uso, quem fez, quando fez, como é feito.

  • Estudo sobre o próprio corpo e seu funcionamento.

  • Cuidado com plantas e animais e acompanhamento do seu desenvolvimento

  • Levantamento de hipóteses sobre temáticas relacionadas ao ambiente.

  • Observação de objetos, suas propriedades e relações, conhecer plantas e animais.

  • Identificação de problemas e possíveis soluções.

  • Exposição de ideias e confronto entre elas.

  • Estabelecimento de relações entre o modo de vida característicos do seu grupo social.

  • Conversa sobre fenômenos naturais e transformações ocorridas ao longo de dias, semanas ou meses. Por exemplo: ao observar o chão coberto de flores pela manhã ou a serra coberta pela neblina, o céu em uma manhã de inverno ou após uma chuva...

  • Participação em rodas de conversas em que as crianças possam contar histórias sobre si mesmas e sobre suas famílias.

  • Visita à exposições em museus e outros espaços para conhecer como viveram pessoas de outras épocas e grupos sociais.

  • Leitura de imagens como fonte de informações: observar detalhes, descrever os elementos que as compõem, comparar informações que elas apresentam e relacionar com o tema que está sendo trabalhado.

Rua Arquiteto Rafaello Berti, 637 - Mangabeiras
Belo Horizonte - MG / Tel.: (31)3194-2400